A essência do marketing é o respeito a individualidade

0
158
A essência do marketing Prestem muita atenção nesse diálogo! Seu João entra numa bodega num interior distante e é recebido pelo seu Manoel dono da bodega: - Bom dia, seu João! - Bom dia, seu Manel! - Como vai a famia, seu João? - Minha senhora está um pouco gripada, nada demais. Deve ser saudade do nosso fi que foi morar na capitá. - Hummm…sei como é isso, cumpadi... - O que vai querer hoje? O de sempre? - Sim, o de sempre. Fumo, farinha e o quejo coalho. - Aqui tá! Quer que mande deixar? - Não carece não, dexa comigo. Brigadu cumpadi! - Ei seu João, coloquei na bolsa uns dois limão e um potin de mé para ocê dá pra sua senhora miorá da gripe. - Brigadu Manel. Inté! Não trate todos igualmente! Conseguir ter sucesso hoje nessa nova economia é priorizar a individualidade de cada consumidor. Tratar todo mundo igual como se tivesse as mesmas necessidades acarreta perda de energia, tempo e dinheiro. A mídia de massa vem diminuindo sua atuação e eficácia de forma abrupta, tanto que os telejornais já incentivam o telespectador a acessarem seus portais na internet, ninguém quer ser mais um, ninguém que ser tratado como um simples número. É impressionante como empresas, insistentemente, continuam a enviar email-marketing enchendo nossa caixa postal, com frases como “grande oportunidade”, “último dia” e assim vai…é a moda dos gatilhos mentais que, por sinal, estão com seus dias contados. Princípios valiosos As empresas deveriam aprender princípios valiosíssimos, com Seu Manel: 1. Integração e experiência: Momentos agradáveis e naturais, o produto pode ser copiado mas a experiência é única e faz a total diferença na hora da venda. Deixar uma impressão positiva (ou negativa) marca o cliente. 2. Relacionamento e personalização: Saber o que cada cliente quer, trata-lo pelo nome, conhecer suas histórias, dominar suas necessidades, entender suas dores e desejos. As empresas precisam atender a real motivação dos clientes. A partir desse momento, cria-se uma relação de sinergia muito interessante, na qual ambos lados saem ganhando. 3. Relevância e credibilidade: Vender como quem vende a um amigo. Quebrar a barreira impessoal entre empresa e cliente é fundamental, criar aquela intimidade, conseguir quase uma amizade com os clientes torna a decisão de compra natural e fluida. Experiência positiva Comprar na bodega do seu Manel é o ápice da experiência de consumo e compra. Quanto mais experiência positiva, mais valor à marca terá. A bodega do interior do Brasil é o que existe de mais moderno em estratégia de Marketing e vendas. Acredite!

Prestem muita atenção nesse diálogo!

Seu João entra numa bodega num interior distante e é recebido pelo seu Manoel dono da bodega:

  • Bom dia, seu João!
  • Bom dia, seu Manel!
  • Como vai a famia, seu João?
  • Minha senhora está um pouco gripada, nada demais. Deve ser saudade do nosso fi que foi morar na capitá.
  • Hummm…sei como é isso, cumpadi…
  • O que vai querer hoje? O de sempre?
  • Sim, o de sempre. Fumo, farinha e o quejo coalho.
  • Aqui tá! Quer que mande deixar?
  • Não carece não, dexa comigo. Brigadu cumpadi!
  • Ei seu João, coloquei na bolsa uns dois limão e um potin de mé para ocê dá pra sua senhora miorá da gripe.
  • Brigadu Manel. Inté!
Não trate todos igualmente!

Conseguir ter sucesso hoje nessa nova economia é priorizar a individualidade de cada consumidor. Tratar todo mundo igual como se tivesse as mesmas necessidades acarreta perda de energia, tempo e dinheiro.

A mídia de massa vem diminuindo sua atuação e eficácia de forma abrupta, tanto que os telejornais já incentivam o telespectador a acessarem seus portais na internet, ninguém quer ser mais um, ninguém que ser tratado como um simples número.

É impressionante como empresas, insistentemente, continuam a enviar email-marketing enchendo nossa caixa postal, com frases como “grande oportunidade”, “último dia” e assim vai…é a moda dos gatilhos mentais que, por sinal, estão com seus dias contados.

Princípios valiosos

As empresas deveriam aprender princípios valiosíssimos, com Seu Manel:

  1. Integração e experiência: Momentos agradáveis e naturais, o produto pode ser copiado mas a experiência é única e faz a total diferença na hora da venda. Deixar uma impressão positiva (ou negativa) marca o cliente.
  2. Relacionamento e personalização: Saber o que cada cliente quer, trata-lo pelo nome, conhecer suas histórias, dominar suas necessidades, entender suas dores e desejos. As empresas precisam atender a real motivação dos clientes. A partir desse momento, cria-se uma relação de sinergia muito interessante, na qual ambos lados saem ganhando.
  3. Relevância e credibilidade: Vender como quem vende a um amigo. Quebrar a barreira impessoal entre empresa e cliente é fundamental, criar aquela intimidade, conseguir quase uma amizade com os clientes torna a decisão de compra natural e fluida.
Experiência positiva

Comprar na bodega do seu Manel é o ápice da experiência de consumo e compra. Quanto mais experiência positiva, mais valor à marca terá.

A bodega do interior do Brasil é o que existe de mais moderno em estratégia de Marketing e vendas. Acredite!

Compartilhar
Artigo anterior5 passos para quitar suas dívidas e acumular dinheiro
Próximo artigoPositivismo: o lado bom só depende de você
Engenheiro Civil, Especialista em Gestão de Negócios, Master of Science in Neuromarketing na Florida Christian University - EUA, MBA em Marketing pela FGV e MBA Gestão de Negócios pelo IBMEC. Diversos cursos e especializações internacionais sobre Marketing, Vendas, Liderança, Comportamento Humano e Neurociência

Deixe seu comentário