Dicas

Como escolher a melhor fralda descartável para o bebê

Fraldas descartáveis Como escolher a melhor fralda descartável para o bebê : Preparar o enxoval para a espera de um bebê é uma tarefa não

Como escolher a melhor fralda descartável para o bebê

Fraldas descartáveis

Como escolher a melhor fralda descartável para o bebê : Preparar o enxoval para a espera de um bebê é uma tarefa não muito fácil.

São diversos acessórios para pensar, junto com a ansiedade do momento. Dentre os itens indispensáveis está a fralda descartável, que será utilizada por um período indeterminado, já que cada criança tem o próprio tempo para o desfralde.

Engana-se quem pensa que para escolher a fralda mais adequada para o bebê basta atentar-se ao tamanho e à marca.

Na verdade, a escolha deve ser minuciosa, pois existem diversos tipos no mercado, como as comuns, que são mais econômicas, mas podem não ser tão eficientes contra vazamentos.

A premium, que além de uma maior quantidade de gel, que garante melhor proteção, possui cobertura ultra suave, barreiras impermeáveis, fechos reposicionáveis, cintura e orelha elástica. Há também roupas descartáveis, recomendadas para bebês que já estão em processo de desfraldar.

Abaixo, a marca de cuidados infantis da CMPC Melhoramentos, Babysec, preparou algumas dicas para ajudar na hora de escolher o modelo ideal. Confira:

Peso – Conhecer o peso da criança é o primeiro passo para escolher o tamanho adequado, que varia de 4kg até acima de 14kg. Caso o bebê esteja no limite em relação ao indicado para a fralda, é aconselhado passar para a medida seguinte evitando vazamentos e incômodos.

Conforto – É importante prestar atenção se o produto escolhido garante horas de proteção e acabamento macio. Outro item importante a ser observado é a cintura elástica, que garante maior conforto. Vale lembrar que o item vai passar muitas horas em contato direto com a pele do bebê.

Qualidade – Além de absorver com eficiência, a fralda deve ser maleável e flexível. Se o material for muito duro poderá machucar a entrepernas do bebê, que conforme o crescimento e desenvolvimento passa a se mover mais. O acessório precisa facilitar a liberdade do movimento.

Praticidade – As fraldas precisam apresentar facilidades para quem for realizar a troca. Alguns fechos são adesivos e vão perdendo a cola se forem abertos várias vezes, e o item acabará ficando inutilizado. Fechos reajustáveis são ótimos porque podem ser manuseados a qualquer momento.