Milagres da vida

Milagres da vida. Dois corações que pulsam intermitentemente. Sangue que corre abundante por caminhos que se cruzam trazendo novamente a vida para estes seres ligados pelo corpo e pala alma.

Milagres da vida

Milagres da vida. Dois corações que pulsam intermitentemente. Sangue que corre abundante por caminhos que se cruzam trazendo novamente a vida para estes seres ligados pelo corpo e pala alma.

Calor que irradia entre suas peles em contato íntimo, aquecendo suas almas carentes de afeto. Sementes do encontro de duas almas que transportam a luz divina da vida.

Um homem e uma mulher que assim que se tocam, se transformam em uma metamorfose ambulante, conspirando para  que todo o universo  gire imediatamente em torno destes espíritos  carregados de luz. 

Dois corpos que se fundem e se confundem através da troca incondicional do mais ardente desejo.  E assim ocorre o milagre da vida que se procria.

Dois corações que pulsam intermitentemente. Sangue que corre abundante por caminhos e estradas que transportam vida a dois seres conectados  profundamente pelo corpo e pela alma.   

Mãe  que espera pelo milagre da vida, transportando em seu ventre  a esperança de sua continuidade. O fruto da semente do amor que amadurece a cada dia.

O feto carregado de afeto. Um novo ser que esta a caminho . Fase esperança da flor que nele nasce.

Bilhões de corações pulsando vida pelo planeta.  Sangue que alimenta  a esperança da existência  futura. Luz que jamais se apaga.

*Por Ronald Guttmann