6 ensinamentos que farão seu filho ser um adulto melhor

ensinando-limites

A infância é a melhor fase para consolidar alguns valores na criança que a ajudarão para o resto da vida. Como estão em pleno desenvolvimento, eles associam tudo com mais rapidez que um adulto. Contudo, alguns ensinamentos e valores a criança não aprende na escola e devem ser transmitidos de pais para filhos. É preciso tempo e dedicação para torná-lo, desde pequeno, um ser humano bom e íntegro.

Selecionamos seis valores que se ensinados desde criança, irá ter um grande impacto na vida adulta do seu filho.

Autoestima: Gostar de si próprio é o primeiro passo para que outras pessoas também gostem. O amor próprio nos torna mais confiante e otimista. Mostre a criança as qualidades e o que ela precisa desenvolver, mas nunca associando isso a um erro ou problema. Tome cuidado para não mostrá-lo apenas o lado positivo, elogios em demasia podem torná-lo arrogante.

Solidariedade: Compartilhe! Ensine a criança desde pequeno que cada pessoa tem uma realidade de vida diferente das outras e que as vezes é preciso dar atenção e ajuda ao próximo. Leve-o para doar brinquedos velhos e peças de roupas que não servem mais.

Comunicação: A maneira correta de falar é fundamental para todas as fases da vida. O ambiente familiar deve ser cheio de diálogos e compreensão sobre todos os assuntos. Mostrar interesse pelos assuntos da criança também é importante, para que outros valores como respeito e companheirismo também sejam desenvolvidos. Conversas agressivas e hostis nunca devem ser presenciadas pelos filhos.

Humildade: Quando a criança errar, ensine-a a pedir desculpas e nunca ter vergonha de algum ato falho. Errar é humano! Pais, quando necessário, também devem se desculpar aos filhos. Extraia algo positivo da situação, pois aprender com o erro é uma das maiores virtudes de um adulto.

Persistência: Quando a criança estiver aprendendo algo, deixe-a que faça a tarefa sozinha, mesmo quando parecer muito difícil. Ao conseguir, elogie e diga o quanto ele foi persistente. Salientar isso como algo positivo estimula ainda mais a persistência!

Autonomia: Se a criança derrubar, deixe que ela pegue. Se sujar, deixe que limpe. Tirou do armário, faça-a guardar. Deixe que ela escolha a roupa que irá usar, arrumar a própria cama e brinquedos. Pequenas atitudes farão com que ela aprenda a se virar sozinha. Mas não vale refazer algo que ela já tenha feito, ok?! Se a criança fizer algo errado, lembre-se de elogiar o esforço e apontar, aos poucos, melhorias.

Para que ambos os valores sejam aprendidos com sucesso, é preciso unir ações e palavras na hora de ensinar. Quando em fase criança, aprendemos por meio de observações e repetições, ou seja, de nada adianta falar uma coisa e se comportar de maneira diferente. Da mesma maneira que falar algo sem colocar em prática torna a criança confusa, atrasando a assimilação do filho.

Comentários