Anjo caído

Anjo caído

Anjo caído

Anjo caído. Pai! Porque os anjos caem? Lembro-me da última vez que o vi cair. Fui te buscar em seu escritório para que fossemos almoçar. Um leve tropeço na escada.

Muitas risadas. Mal sabia que já se tratava de um sinal de sua doença. Metástase. Câncer cerebral. Pai! Porque não posso ter asas ao menos uma vez. Nem que possamos voar juntos em uma noite destas qualquer.

Em meus sonhos. Que você venha me buscar novamente para uma daquelas conversinhas básicas de quando eu era moleque, quando você tropeçava nas palavras, tentando saber algo da minha vida afetiva.

Lembranças fortes do momento em que recebi a notícia. Iria ser pai. Algo inacreditável. Naquele momento, sim, pude sentir o que era ter asas. E voei longe. Quase o alcancei, pai… Quase cai desmaiado, presenciando o parto de meu filho.

E quantas vezes abracei minha filha, e quase desabei, achando que não iria me segurar ali. Mas segui meu coração e a abracei com todas as minhas forças.

Ter me tornado pai foi o melhor caminho para finalmente reencontrá-lo. Não em algum lugar inatingível acima das nuvens. Mas aqui mesmo em terra firme. Junto aos meus que tanto aprendi a amar.

Junto aqueles em que me vejo tropeçar dia após dia, e ainda assim ser admirado. Aprendi que um verdadeiro pai não precisa ter asas de super-herói para alcançar tudo. Mas melhor, mesmo caindo, estar sempre ao lado de seus filhos, quando estes começam a cair.

Anjos caem sim. Aprendi que como pais não somos onipotentes. Mesmo aos olhos de seus próprios filhos que tentam em vão sustentar nossas asas idealizadas.

Até que finalmente crescem e se dão conta de que não somos anjos. E daí se aproximam de nós. Daí se identificam à nos. Daí batem suas asas e seguem a vida.

Pai! Que você possa continuar sempre comigo como meu maior mentor. E que um dia, finalmente possamos nos reencontrar para juntos, voarmos no céu da eternidade, tropeçando nas nuvens. Te amo.

*Por Ronald Guttmann

https://m.polishop.vc/novafamilia/

COMUNIDADE DE COLUNISTAS

Para saber mais sobre o colunista da matéria, clique aqui.

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Veja os últimos posts

Dona Felicidade

Dona Felicidade. Diário da pandemia, entramos na fase verde! Significa que após 7 longos meses vou sair de casa, ainda com muito cuidado e apreensão,

Continuar Lendo »