Ouvir Pausar

Cuidados com os cabelos no verão

Entenda quais cuidados o seu cabelo realmente precisa nessa epoca do ano

Cuidados com os cabelos no verão
Imagem : Reprodução

O verão chega e, com ele, o sol, a praia, a piscina… E os danos ao cabelo. É muito importante ter o cuidado redobrado com os fios durante essa estação, já que não só a luz do sol pode prejudicar a saúde das mechas, mas a água do mar e o cloro da piscina também provocam estragos.

Para você não ter problemas e passar o final de ano e começar 2021 sempre bonita, a mestre em ciências biológicas pela USP e especialista em estética e ciências da Pele pelo Instituto de Cosmetologia Heloisa Olivan dá 5 dicas chave para ter os cabelos sempre bonitos.

1. Hidrate os fios sempre

O ressecamento dos fios é o principal dano que a água do mar ou piscina combinada à radiação solar causam. E vale lembrar que, mesmo em dias em que o sol não dá o ar da graça, os cabelos sofrem com a radiação infravermelha, que se expressa através do calor”, diz Heloisa. Segundo ela, a radiação é uma grande vilã, já que fragiliza a cutícula, facilitando a perda de água e nutrientes.

“Todos os cabelos podem adquirir essas características, porém os loiros sofrem ainda mais, já que muitas camadas de cutículas são destruídas durante a química para atingir a tonalidade mais clara que as mulheres gostam”, completa a especialista. 

Para combater isso, o ideal é sempre caprichar na hidratação. “Ela é o antídoto para recuperar os fios já danificados e manter a saúde dos que ainda não foram tão comprometidos. Procure alternar entre máscaras reconstrutoras e máscaras nutritivas, pois assim seus fios terão reposição de proteína e lipídeos. Dependendo do grau de ressecamento, a frequência pode ser de uma a duas vezes por semana”, explica.

Ela ainda ressalta que usar o condicionador é extremamente importante, mesmo depois de uma máscara de tratamento. “Eles são capazes de fechar as cutículas do cabelo, deixando-os mais macios e protegidos. Para finalizar o ritual com chave de ouro, utilize um produto sem enxágue, secando ou não os cabelos. São os chamados leave-in ou cremes para pentear.”

2. Deixe secador, babyliss e prancha de lado

Assim como o sol, ferramentas que emanam calor também são prejudiciais para os fios. “O calor excessivo pode desnaturar a queratina, principal proteína do cabelo. É ela a responsável pelas propriedades mecânicas dos fios, como elasticidade e resistência. Dependendo da fragilidade e das químicas que o fio possui, essa modificação pode ser irreversível”, conta Heloisa. 

3. Dê atenção especial ao couro cabeludo

O couro cabeludo é a “fonte” da juventude dos cabelos, por isso é preciso sempre cuidar dele com bastante cuidado. “Utilize produtos adequados para o seu tipo de couro cabeludo: normal, seco ou oleoso”, indica a cosmetóloga.

E, mesmo que no verão muitos prefiram tomar banho frio, ainda existem pessoas que não abrem mão da água quente. Mas atenção: a temperatura muito alta pode ser prejudicial para a pele. “O ideal é que a temperatura da água seja menor ou igual a 25 graus, pois a água quente estimula as glândulas sebáceas da região, aumentando a produção de oleosidade”, diz Heloisa. 

Não esqueça de enxaguar bem o cabelo depois de lavar ou usar qualquer produto que não seja sem enxágue, para evitar o acúmulo de substâncias nocivas ao couro. Heloisa ainda explica que o cabelo molhado é muito mais frágil do que o seco e, por isso, é importante prestar atenção na hora de pentear ou desembaraçar, evitando a quebra.

4. Aposte nos leave-ins com proteção solar

A cosmetóloga alerta que, mesmo que os raios solares clareiem os fios e o efeito seja bonito, ele não é nada saudável. “Os raios UVA degradam a tirosina e a fenilalanina, dois aminoácidos que dão resistência à queratina, deixando os cabelos fracos e quebradiços. Além disso, o sol pode causar queimaduras no couro cabeludo, especialmente para as donas de cabelos muito finos ou homens com calvície”, explica. 

Os raios UVB, por sua vez, danificam a estrutura dos fios, favorecendo o ressecamento e quebra. “São esses os vilões responsáveis pela perda proteica dos fios, causando microfissuras na estrutura superficial do cabelo, que servem como porta de entrada para danos mais severos, causados pelos raios UVA”, completa.

5. Evite prender o cabelo com frequência

Mesmo que o verão seja muito quente e prender o cabelo seja quase automático, se os fios forem muito puxados e tracionados na hora de prender podem acabar quebrando ou, até pior: causar alopecia por tração. Também é importante prender as mechas apenas com o cabelo bem seco.

“Isso favorece a quebra dos fios, e também pode ocorrer a proliferação de fungos, comprometimento da microbiota do couro cabeludo, criando um ambiente propício para a instalação de algumas patologias”, diz Heloisa. 

Sobre a alopecia, ela é a perda de cabelo em certos pontos da cabeça. “Alopecia de tração é uma espécie de perda capilar em decorrência da tensão contínua num determinado ponto do couro cabeludo. A tração contínua gera uma reação inflamatória local e ocorrem mudanças na atividade celular, com consequente alteração no ciclo de crescimento do cabelo. Além desse problema, pode ocorrer também a tricodinia, caracterizada por sensibilidade ou dor no couro cabeludo”, finaliza a cosmetóloga. 

Agora é só seguir essas 5 dicas que seu cabelo sobreviverá lindo e saudável durante a estação mais quente do ano!

Acompanhe-nos nas Redes Sociais:

https://www.instagram.com/revistanovafamilia 

https://www.facebook.com/revnovafamilia

https://www.linkedin.com/in/revistanovafamilia/

https://www.youtube.com/user/revistanovafamilia