Persistência e perseverança. Desistir, jamais!

Persistência e perseverança. Desistir, jamais!

“Que alguns atinjam grande sucesso significa que todos podem atingir o sucesso também”
(Abraham Lincoln)

Abraham Lincoln. Com certeza você já ouviu esse nome. Lincoln é um dos personagens mais famosos na História mundial. Nascido em 1809 de uma família pobre do estado do Kentucky, Lincoln foi o 16º presidente dos Estados Unidos, entre 1861 e 1865, e é considerado um dos mais importantes presidentes da história norte-americana, liderando o país durante a Guerra da Secessão, que opôs estados do Norte e do Sul em torno da libertação dos escravos, que Lincoln promulgou em 1862. Logo após a vitória e a emancipação dos escravos, Lincoln foi assassinado quando assistia a uma peça de teatro na capital americana Washington, e seu nome foi eternizado na História como sinônimo de integridade, honestidade e ética pública.

Mas até chegar ao posto máximo do seu país e ser imortalizado nos livros de História, Lincoln passou a maior parte da sua vida como alguém que só poderia ser chamado de fracassado. Veja só algumas passagens marcantes da vida dele antes de ser eleito presidente dos EUA.

Fatos marcantes da vida de Abraham Lincoln

“Minha maior preocupação não é que você tenha fracassado, é que você esteja satisfeito com seu fracasso” (Abraham Lincoln)

Como já dissemos, Lincoln nasceu pobre, num casebre de madeira de um cômodo em uma fazenda próxima à cidade de Hodgenville, no Kentucky. Seus pais eram fazendeiros e mudaram diversas vezes devido a dificuldades financeiras e com a documentação da posse das terras onde trabalhavam. Quando tinha 9 anos, sua mãe morreu e, com 18, sua irmã também faleceu. Leitor ávido e autodidata, Lincoln não se interessava pelo trabalho pesado na fazenda e sonhava em ser advogado.

1831 – Lincoln deixa a família e sai em busca de trabalho. Ele começa como caixeiro viajante trabalhado para um comerciante, levando mercadorias de barco pelo Rio Mississipi até Nova Orleans. Em 1832, aos 23 anos, ele e alguns amigos conseguem um empréstimo bancário para abrir uma loja de miudezas em New Salem, Illinois. Os negócios não vão bem e ele vende sua parte na sociedade. É o primeiro fracasso de Lincoln.

1832 – Após abandonar a loja, Lincoln se candidata pela primeira vez a um cargo público, para a Assembleia Legislativa do Estado de Illinois. Apesar de ter ganho alguma popularidade com sua grande habilidade como orador, sem contatos influentes e dinheiro pra campanha, ele perde. É seu segundo fracasso.

1833 – Após a derrota na eleição, ele pede dinheiro a um amigo para começar um novo negócio. Antes do fim do ano, o negócio vai à falência. É seu terceiro fracasso.

1834 – Lincoln se candidata novamente para o legislativo estadual do Illinois – mas dessa vez ele ganha! Pela primeira vez, o jovem Abraham conhece o sucesso.

1835 – Parecia que as coisas estavam melhorando. Lincoln era deputado estadual, foi aprovado pela Ordem dos Advogados local para atuar como advogado e estava noivo. Mas sua noiva, Ann Rutledge, contrai febre tifóide e morre.

1836 – Devastado pela morte da noiva, Lincoln sofre um colapso nervoso e passa metade do ano de cama.

1836 – Apesar do relativo sucesso como advogado e legislador, algumas tentativas de galgar postos mais altos falham. Em 1836, ele tenta ser presidente da Assembleia Legislativa, mas é derrotado.

1840 – Lincoln tenta se tornar Eleitor do Colégio Eleitoral que elege o presidente dos Estados Unidos, mas é derrotado novamente.

1843 – Tenta pela primeira vez o posto de deputado federal pelo estado de Illinois. É derrotado.

1846 – Na segunda tentativa, é eleito para o Congresso e se muda para a capital americana Washington. Mas tem dificuldades em se destacar na Câmara dos Deputados e não é reeleito.

1848 – Apoia o candidato vencedor à presidência, Zachary Taylor, almejando ter um cargo de prestígio no gabinete, o de Comissário do General Land Office, que administrava as questões fundiárias nos EUA. Mas não é selecionado e tem que se contentar com um “prêmio de consolação”, o cargo de secretário do então distante território do Oregon, na costa oeste dos EUA. Temendo perder capital político longe do estado de Illinois, ele recusa o cargo e volta à advocacia.

1854 – Embora sua carreira como advogado fosse bem-sucedida, Lincoln volta à política com a bandeira do combate à escravidão. Ele se candidata ao Senado, mas é derrotado.

1856 – Busca a indicação do então recém-criado Partido Republicano, do qual foi um dos fundadores, para a vice-presidência, mas recebe menos de 100 votos e não é escolhido.

1858 – Novamente tenta se eleger senador e é novamente derrotado. Apesar da derrota, suas posições nos debates, condenando a escravidão, o levam a ser reconhecido nacionalmente.

1860 – Lincoln consegue a nomeação do Partido Republicano para ser candidato à presidência e é eleito o 16º Presidente dos Estados Unidos. Poucos dias depois da eleição, o estado da Carolina do Sul, reagindo à intenção de Lincoln de abolir a escravatura, declara a secessão (separação dos EUA), e é seguido por outros estados do sul que queriam manter a escravidão. Estes seis estados declaram a independência de um novo país, os Estados Confederados da América. Antes mesmo de tomar posse, ele sofre tentativas de assassinato, mas escapa. Em 12 de abril de 1861, o ataque de forças Confederadas a posições da União é o estopim da Guerra Civil Americana. O resto é História. 

Abraham Lincoln entrou pra história e se tornou uma verdadeira lenda, não só por sua persistência e resiliência em superar as derrotas e seguir em frente, quanto por seus discursos e declarações  que se tornaram inspiração e motivação para muita gente. Por isso, ele foi o personagem do primeiro post da série “Histórias de quem não desistiu”! Fique ligado para conhecer mais sobre a vida de grandes líderes e empreendedores que superaram os desafios e colocaram seu nome na História!

Por Gowork

COMUNIDADE DE COLUNISTAS

Para saber mais sobre o colunista da matéria, clique aqui.

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Veja os últimos posts