Mitos e Verdades da Sensibilidade nos Dentes

93
Mitos e Verdades da Sensibilidade nos Dentes

A sensibilidade nos dentes atinge muitas pessoas e, nesses casos, comer algo mais quente, gelado ou doce pode ser uma verdadeira tortura. De pequenos choques a fisgadas mais intensas, a hipersensibilidade é o problema de saúde bucal mais comum no Brasil, segundo pesquisa feita pela Kantar TNS.

Quando o assunto é sensibilidade dentária, surgem muitas dúvidas e opiniões. É uma doença? Como faz para preveni-la? Quais são as causas? Pensando nisso, Rosane Menezes Faria, dentista da Odonto Empresas, do grupo Caixa Seguradora, esclarece abaixo, as principais questões levantadas sobre o incômodo. Confira:

Sensibilidade nos dentes é uma doença?
Mito. “A hipersensibilidade é uma condição decorrente de problemas comuns, como escovação inadequada, cáries e outros problemas mais sérios, como a gengivite. Então é um sintoma, não uma doença”, comenta a profissional.

Tratamentos de clareamento deixam os dentes mais sensíveis
Verdade. Segundo a dentista, as substâncias utilizadas nos tratamentos de clareamento penetram no esmalte e alcançam a dentina, o que pode deixar os dentes temporariamente sensíveis.

Forma de escovar os dentes influencia no sintoma
Verdade. Escovar os dentes de forma incorreta, usando a força, ou utilizar uma escova de cerdas muitos duras, pode aumentar o desgaste da camada de esmalte, originando o problema.

Cremes dentais específicos ajudam a proteger os dentes
Verdade. “Alguns cremes dentais são produzidos especificamente para criar uma barreira protetora em volta da dentina, protegendo-a de alguns responsáveis pelo desenvolvimento da sensibilidade”, esclarece Rosane.

Ir ao dentista regularmente ajuda na prevenção
Verdade. Consultar um dentista a cada seis meses ajuda a prevenir inúmeros problemas, justamente por conseguir diagnosticar e tratar incômodos e doenças de forma precoce.

Mascar chiclete alivia a sensibilidade
Verdade. “As gomas de mascar estimulam a produção de saliva, que contribui para o processo de remineralização dos dentes, auxiliando na recuperação dos minerais do esmalte perdidos pelo organismo”, aconsesaúlha a dentista.