O que vestir e o que NÃO falar, veja regrinhas para a Festa da Firma

festa

O que vestir e o que NÃO falar, veja regrinhas para a Festa da Firma

O que vestir, o que NÃO falar, veja regrinhas para a Festa da Firma. O saudosismo típico do final de ano é a principal motivação das pessoas para celebrarem mais um ano de amizade, parceria e profissionalismo.

“Quando falamos de encontros e festas mais íntimas, fica mais fácil, mas quando falamos
de festas corporativas, é preciso levar em consideração outros elementos” – pontua a gerente de eventos do Lugar 166, Larissa Coelho.

Geralmente, é durante esse evento que os diretores apresentam os números e as projeções para o ano seguinte, sendo também, o momento ideal da empresa em demonstrar todo o seu carinho com os funcionários.

“Por isso, antes de definir o local e o cardápio do evento, deve-se levar em conta qual é o perfil da empresa; qual a mensagem que a diretoria quer transmitir e se será possível levar acompanhantes. Depois disso, começamos a afunilar os detalhes: será algo mais
despojado, temático ou um jantar mais comportado?”,resume.

Larissa levanta outra questão importante quando o assunto é o que vestir
durante o evento.

Lembre-se: a festa vai durar apenas algumas horas, mas o seu trabalho vai continuar. Pensando nisso, procure evitar usar roupas muito extravagantes, chamativas ou que cause algum constrangimento. Mesmo sendo uma festa, não se pode esquecer que é um evento corporativo e que haverá amanhã – brinca.

Outra grande dica se dá no comportamento. Evite beber demais para não passar situações constrangedoras, como pedir aumento para o chefe, dar em cima daquela ou daquele colega de trabalho, falar mal de algum procedimento dentro da empresa.

“Para evitar tais situações, orientamos as empresas a servirem também coquetéis sem álcool, água aromatizada ou sucos. Muitas pessoas perdem a noção nas festas e acabam dando vexame, virando piada para todos durante muito tempo” – comenta.

O estilo musical que tocará durante a noite também faz toda a diferença. Por se tratar de um evento corporativo, evite músicas com palavreado que pode constranger alguns funcionários.

“Opte por uma “playlist” variada, que traga sons mais leves e dançantes, para agitar todos e não deixar ninguém parado, mas sempre alinhado às regras da empresa”, pontua.

Lembre-se que o importante é curtir o momento, aproveitar o ambiente descontraído e tentar se aproximar daquele colega do departamento ao lado, desfrutando do evento e fazendo novos amigos para que o próximo.

POR REDAÇÃO

COMUNIDADE DE COLUNISTAS

Para saber mais sobre o colunista da matéria, clique aqui.

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Veja os últimos posts