Você ensina seu filho a ser positivo?

Você ensina seu filho a ser positivo?

Você ensina seu filho a ser positivo?

Você ensina seu filho a ser positivo? Despertar, celebrar a vida, não se importar com a vida ou com as conquistas do outro, procurar-se no espelho como a única pessoa que pode realmente lhe fazer feliz. Claro, ninguém é feliz sozinho, mas tampouco será feliz se não estiver bem consigo mesmo. 

A vida é uma roda gigante. Às vezes estamos lá em cima e, outras vezes, lá embaixo. Mas nada é para sempre. E não se trata de dinheiro, mas de sentimento. É sobre como nos sentimos ao acordar e a sensibilidade de perceber que devemos caminhar para frente.

Muitas pesquisas apontam que dinheiro não traz felicidade, apenas proporciona bons momentos. Isso é real! Muita gente chora em cidades onde o custo de vida é caríssimo, mesmo tendo tudo do bom e do melhor, enquanto outras pessoas vivem sorrindo mesmo levando uma vida simples ou com o básico para sobreviver. 

A vida é única. Não se deve querer viver a história que o outro escreveu. Avalie quantas pessoas nós chamamos de “amigo” nas redes sociais, enquanto muitos não suportam o próprio irmão, sentem inveja do companheiro de trabalho ou gostariam de ser outra pessoa.

Quantas vezes visitamos o perfil de alguém e desejamos aquela vida sem saber se é real?

Não se aprisione nas telas de celulares, notebooks ou tablets. Tudo pode ser seu, mas não crie expectativas, crie oportunidades e não haverá sofrimento, mas esperança para vencer. 

Comece animando seu dia. Seja coerente com suas ações, pratique a bondade, seja humilde, sinta-se forte, tenha coragem, descanse, porque a mente e o corpo precisam de um tempo para avaliar e refletir. 

Seja alegre, porque a alegria contagia. Sorria! Ninguém quer ficar perto de pessoas amarguradas e negativas, que só criticam ou enxergam a maldade. Aliás, pessoas bem resolvidas não se preocupam com a maldade alheia, elas estão – e são – do bem e ponto. 

Continue vivendo e vivenciando. Saia de casa e encontre os amigos, tome um sorvete, vá colorir sua vida. Deseje continuar vivendo, peça a Deus que faça seu coração feliz. É fato, não podemos ter tudo na vida, mas o ‘suficiente’ sempre será suficiente se você souber lidar com o pouco, transformando esse pouco em muito. 

Tudo na vida tem um propósito e não existem coincidências nos planos que o universo tem para nós. Olhe em volta. Pode ser que você esteja valorizando tanto as coisas do mundo que está esquecendo quem sempre esteve de mãos dadas com você. 

Relaxe! Pense positivo, deseje o bem, faça o melhor para si e confie no universo. Assim, estará ensinando aos seus filhos o poder e o valor de ser uma pessoa positiva! 

*Fonte: Sueli Bravi Conte – educadora, psicopedagoga, doutoranda em Neurociência e mantenedora do Colégio Renovação, instituição de ensino com 35 anos de atividades que atua da Educação Infantil ao Ensino Médio

https://m.polishop.vc/novafamilia/

COMUNIDADE DE COLUNISTAS

Para saber mais sobre o colunista da matéria, clique aqui.

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Veja os últimos posts

Dona Felicidade

Dona Felicidade. Diário da pandemia, entramos na fase verde! Significa que após 7 longos meses vou sair de casa, ainda com muito cuidado e apreensão,

Continuar Lendo »