Você sabe o que é mobile marketing?

1984

O número de dispositivos móveis usados atualmente alcançou níveis nunca imaginados em décadas passadas. De acordo com pesquisas, há mais celulares que pessoas no Brasil. A previsão para o fim de 2014 era de que mais de sete bilhões de aparelhos no mundo, sendo que 80% deles estão espalhados por países emergentes como China, Índia e Brasil. 

O mobile marketing surgiu na década passada, quando os celulares passaram a fazer parte do dia a dia das pessoas, e foi se consolidando como uma plataforma cada vez mais abrangente e interativa.

SAIBA MAIS SOBRE

Já ouviu falar do m-marketing? Então descubra a seguir como funciona essa estratégia comercial e aprenda a usá-la a favor de sua empresa:

Conceito

Em poucas palavras, o mobile marketing pode ser descrito como o conjunto de estratégias, ferramentas e ações que permite às empresas entrar em contato com o consumidor através do celular, aproveitando essa plataforma para divulgar informações, produtos, serviços e promoções.

Mais do que apenas comunicar com os celulares por aí, as empresas que investem no mobile marketing precisam pensar na mobilidade como um fenômeno que toma conta do setor de tecnologia e que já está presente nas mãos dos consumidores.

SAIBA MAIS SOBRE

Estratégias

Dentro do universo do e-business, o m-marketing se destaca pela praticidade e capacidade de atingir o público. Basicamente, ele é feito através do serviço de mensagens (SMS), mensagens multimídia (MMS) e até mesmo através do contato direto, como fazem muitas operadoras de celular. Como as pessoas estão sempre de olho na telinha do seu aparelho, a eficácia desse tipo de campanha é bastante satisfatória, mas cabe à empresa saber usar o recurso com inteligência — pois todos sabemos que não existe nada mais desagradável do que receber toneladas de publicidade por meios de mensagens de celular.

Com o avanço da telefonia móvel, mais recursos foram sendo adicionados aos celulares, que hoje são mais conhecidos como smartphones. E toda essa conectividade dos novos aparelhos também ampliou a oferta de “mensageiros”. Além do tradicional torpedo, aplicativos como WhatsApp e leitores de códigos QR revolucionaram as campanhas publicitárias para as plataformas mobile. A grande expansão da internet móvel através das redes 3G e 4G também facilitou a conversão dos anúncios em negócios através do e-commerce, que invadiu também os celulares e ganhou sua própria alcunha: o m-commerce.

Interatividade

O mobile marketing não deve ser pensado como uma via de mão única, que serve apenas para a empresa ofertar seus produtos. É possível realizar uma série de campanhas e promoções que sejam baseadas na interatividade com o público-alvo.

SAIBA MAIS SOBRE

Por que investir em mobile marketing?

Esse segmento tem crescido na mesma velocidade que a demanda por celulares outros dispositivos móveis. Esses dispositivos tecnológicos estão cada vez mais versáteis, e versatilidade hoje significa também mobilidade. A queda vertiginosa na venda de desktops prova que as pessoas querem estar conectadas a aparelhos que possam ser carregados em qualquer lugar.

Diante deste cenário de crescimento há também um fenômeno sociocultural: temos checado nossos aparelhos com uma frequência bem maior do que a alguns anos, o que é mais um ponto favorável ao mobile marketing como estratégia publicitária de uma empresa.

SAIBA MAIS SOBRE